Unir novas ideias e experiência é essencial para vencer os obstáculos da economia

A chegada de novos empreendedores ao mercado poderia gerar crescimento e novos negócios em diversos setores o que ajudaria a economia girar ganhando fôlego extra. Para isso a Acinol acredita que Oliveira tem o que precisa para acrescentar ao mercado, seja na agropecuária, no comércio varejista, na construção civil ou indústria algo de novo para ajudar o Brasil neste momento de política e economia instáveis. O momento é de arregaçar as mangas, unir forças e buscar soluções rentáveis que gerem mais empregos e maior circulação financeira na cidade.
Desenvolver novas lideranças pode ser o que o mercado precisa para que o mercado possa voltar a fluir com folga e, assim, gerar novos negócios. “Nosso foco é procurar pessoas que estejam empreendendo e com perfil de liderança até para aproximá-los da Acinol, promover encontros esporádicos e informais, e nos auxiliar para busca de novas soluções para todos os setores comerciais e industriais de Oliveira. Juntos encontraremos a saída para a crise”, afirma Maria Letícia Leite Reis, gerente executiva da associação.
O diretor de Convênio de Crédito e Cadastro da Acinol, Breno Figueiredo, é um dos jovens empreendedores de Oliveira engajados na procura e aproximação de associados. “O foco é aliar forças e trazer novas ideias para dentro da associação é o que precisamos nesse momento e assim fazer bons negócios por Oliveira. À distância as coisas não funcionam”, afirmou.
Enquanto diretor de Novas Tecnologias da Acinol, Breno Vale acredita que a experiência na vida empresarial particular dele e dos outros diretores pode ser a conexão necessária para um mercado mais forte. “É mais um desafio pessoal que assumo. Mesmo com a pouca idade e com bastante experiência de mercado, inclusive hoje reconhecido pela entidade de classe nacional da qual nossa atividade comercial é suportada, sendo reconduzido pelo segundo ano consecutivo à vice-presidência nacional, fiquei muito honrado pelo convite da diretoria da Acinol”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp

Artigos relacionados